Publicado por: Lucylle France | outubro 9, 2007

Maquina de Lavar, a Saga Continua

75648751.jpgPois bem. Lembram-se daquele post que quase enlouqueci com minha maquina de lavar? Pois é. Falta pouco para me internar no hospicio!

Depois de quinze dias apos o chamado do técnico, este veio e dispara: Ih, madame, vai ter que ir para a oficina!

Gelei, porque como contei, estavamos em meio a época de férias de verao e nenhum cristao, protestante e evangélico se mexe no pais do Camembert.

– Nao da para consertar aqui?

Eu ja estava em vias de corromper o técnico, seduzindo-o com cafézinho (café brasileiro, com certeza), bolinho caseiro… mas nao teve jeito:

– Nao madame, eu nao tenho nem espaço (nao é culpa minha, é culpa da arquitetura francesa, tio!), e nem as ferramentas (isto é culpa sua!).

– Ta bom. Resignei-me e vi tristemente, minha maquina sendo levada para a assitencia técnica. Minha tao linda maquina, novinha em folha que lava e seca, limpinha, cheirosinha pois devidamente limpo-a semanalmente, indo embora e sendo substituida por uma maquina velha, fedorenta e cheia de mofo.

Sim, por “minha sorte” a assistencia técnica me emprestou uma maquina de lavar. Velha, fedida, mas que quebrou o galho e nunca imaginei que ao fim desta historia, eu seria amiga intima daquela fedidinha.

Vieram buscar a maquina. Aqui na França parece que trabalham com filosofia “linha de produçao”: voce liga para um sujeito, que aciona outra empresa com outro sujeito que vem ver sua maquina e manda o primeiro sujeito avisar uma empresa com outro sujeito vir buscar sua maquina.

Resultado? Ninguém consegue informar nada, porque cada um pegou uma parte do bonde que ja estava andando. Ai, meus sais!

Terminado o prazo de 3 semanas, ligo para a assistencia técnica:

– Oi, sou Lucylle, é sobre a maquina de lavar que voces pegaram para consertar, ha 3 semanas atras. Quando voces vao entregar?

– Que maquina, madame?

Panico. Como assim, que maquina? Ah, sim, esqueci, eles me deram o numero da ordem de serviço. Uff…

– Aquela, da Ordem de Serviço numero xxxxx.xxxx.xxx

– Nao temos nenhuma ordem de serviço com este numero, voce deve estar enganada. Qual é o numero da Nota Fiscal de Compra?

Alivio. Provavelmente alguém esqueceu de digitiar o numero da Ordem de Serviço no sistema, vai saber… é tudo frances…

– Numero tal.

– Infelizmente nao temos nenhuma maquina aqui para consertar com estes dados. Aurevoir.

Pum! Desligou o telefone na minha cara.

Panico, panico, panico! Via minha maquina, largada num canto escuro, abandonada, sem ninguém saber de quem era, e eu, morrendo com aquela maquina fedida, velha e mofenta na minha casa! Liguei para a loja que me vendeu a maquina, responsavel por “acionar os sujeitos”.

– Ah, madame, a maquina ja foi para a oficina.

– Nao foi nao. Acabei de ligar la, falei com Fulana e me disse que nao apareceu la.

– Mas esta la sim.

Ligo novamente para a Assistencia Técnica.

– Oi, é a Lucylle novamente. A loja disse que a maquina esta ai com voces.

– Ah, madame, ela esta sim! Depois que a senhora desligou a gente encontrou sua maquina. O técnico vai entregar daqui ha 3 semanas.

Pergunto: entao porque a ditacuja nao ligou para mim avisando que acharam minha maquina????

Passam 3 semanas. Nada. Ligo para a Assitencia Técnica

– Oi, é a Lucylle, novamente. A da maquina de lavar… ta pronta?

– Que maquina de lavar madame?

– Uma Ariston. Estava com problema no rolamento. Voces pegaram ela faz 3 semanas, disseram que iam entregar esta semana. Ja é sexta-feira e até agora nada…

– Ela nao esta mais aqui. Foi para a loja.

Ligo para a loja.

– Ela nao esta aqui, foi para a Assistencia Tecnica. Eles pediram a peça e vai demorar 20 dias para chegar

Coincidentemente, estes 20 dias sao o que equivale ao pedaço de férias de verao que faltavam. Na verdade, eles estavam enrolando, esperando acabar as férias para alguém se mexer. Mas nao era tudo.

Cansada de ser jogada de la para ca, pego o carro e vou pessoalmente até a loja. Uma coisa eu aprendi neste pais: faça tudo pessoalmente e fique de olho no que quem esta atendendo esta fazendo, pois eles nao tem a minima noçao do que eles realmente tem que fazer….

Chego na loja:

– Sobre a Ariston que voces pegaram…. e reconto toda a novela.

– A senhora tem a Ordem de Serviço?

Entrego a ordem de serviço. O funcionario pega o documento e faz uma xerox e me devolve o papel.

– Sua maquina vai chegar daqui ha 3 semanas. A gente liga avisando quando vai entregar.

Passam 3 semanas, ligo para a Assistencia Técnica.

– Madame, sua maquina chegou semana passada. O que aconteceu é que a loja entregou sua maquina sem a Ordem de Serviço, entao nos reenviamos a maquina para a Loja solicitando a Ordem de Serviço. Ela chegou ha umas 2 semanas atras e somente agora é que vamos pedir a peça e consertar sua maquina.

Descoberto o mistério: eles nao consertavam a maquina porque precisavam da Ordem de Serviço que haviam perdido. Mas era humanamente impossivel alguém ter a brilhante idéia de ligar para mim e pedir que eu levasse a OS para tirarem xerox. Liguei inumeras vezes, falei inumeras vezes com o sujeito que perdeu minha OS, mas o rapaz nao teve a inteligencia suficiente de pedir que eu a levasse para fazer copia.

Ele esperou que eu fosse até la, mais de um mes depois que a minha maquina foi levada ao conserto, para tirar a copia…. essa turminha deveria ser candidata ao “Premio Nobel da Inteligencia”, se voces entendem a ironia…

 Passam duas semanas. Ligo novamente.

– O técnico esta colocando a peça, nao temos previsao de entrega.

Ligo no dia seguinte, a mesma resposta:

– O técnico esta colocando a peça, nao temos previsao de entrega, responde a atendente.

– Vem ca, me responde sinceramente: voce acha que eu tenho minha maquina novinha em folha, consertada, até o Natal?

– Logico madame!

– Entao me da uma porra de uma data, criatura!

– Na quinta-feira a maquina vai para a Loja e de la eles entregam para voce

Espera ai! Porque a “suma” inteligencia nao me respondeu assim que eu perguntei sobre o prazo?

Ja percebi outra coisa: aqui voce tem que perguntar 3 vezes a mesma coisa, para que eles respondam corretamente. Voila!

Ligam da Loja:

– Madame, a gente vai entregar sua maquina na segunda-feira.

– Segunda eu nao posso, mas terça tudo bem. Da para entregar depois do almoço?

– Sem problemas. O entregador vai te ligar de manha para falar a hora que passa a tarde.

Segunda-feira, um dia antes da entrega:

– Madame, a gente vai passar ai na terça-feira entre as 10:00 e as 13:00 horas. Tem alguém ai para receber a maquina?

– Nao. Nao tem. Da para vir la pelas 15:00 horas?

– Nao. A gente vai passar ai na terça-feira entre as 10:00 e as 13:00 horas. Tem alguém ai para receber a maquina?

Uhmmm… eu ja vi este filme antes… ele ja me perguntou isto… vamos la…. deve ser mais um partidario das 3 vezes de repetiçao até entender a propria lingua…respondo novamente a mesma coisa. Ouço a mesma coisa. Mais do que 3 vezes… desisto… ele realmente nao entende a propria lingua… proxima vez tento chines, japones, coreano, grego, lingua de mudo, quem sabe?

Respiro fundo…

– Tudo bem. Eu aguardo.

Chega o grande dia….

A maquina chega. Com um risco enorme no painel.

– Senhor, este risco nao tinha… tem algum formulario para a gente indicar o problema? Como faz agora?

– Nao fomos nos, madame! A gente so entrega! Reponde o entregador, ja sentindo a alça do sutia apertando…

– Nao foi o que eu disse, so quero que indiquem no formulario que ela veio com este risco e que eu quero trocar a peça ou a maquina, so isso. Ela foi e voltou tantas vezes de la para ca, que vai ser dificil dizer quem foi o responsavel, o que pouco me importa, eu quero minha maquina como ela foi

Os entregadores instalam a maquina com ma vontade, xingando. Como se eu nao entendesse o que eles estavam falando…

Um deles some com a maquina fedorenta e o formulario de entrega. Desço com o que ficou instalando a maquina, para verificar o preenchimento do formulario.

De ma vontade, começa a preencher o formulario, no campo errado. No formulario existem tres campos: geladeira, maquina de lavar e televisao. O funcionario começa a escrever o problema no campo onde consta uma televisao.

– Senhor, daria para voce preencher no campo “Maquina de Lavar”? Pode ser que a loja implique com este detalhe e nao troque a peça danificada…

Para que, meu Deus, eu abri minha boca? O funcionario irritado responde:

– Nao tem nenhuma importancia.

– Tem sim, respondi. Porque legalmente, eles podem afirmar que esta errado e se isentarem de trocar a peça riscada. Nao ha dificuldade alguma no senhor completar corretamente o formulario, no campo de “Maquina de Lavar Roupas”, que foi o que voces entregaram.

– Voce quer ensinar meu trabalho? Entao toma a caneta e o papel e preenche!

E jogou papel e caneta em cima de mim, no meio da rua… para que?

Naquela hora nem havaianas eu calcei, fui descalça mesmo!

– Olha, que voces trabalhassem direito, atendessem direito e tivessem a minima inteligencia, eu, uma estrangeira, nao precisava ter deixado meu apartamento, vindo até o meio da rua e inspecionado o prenchimento de um papel que até um deficiente mental no meu pais consegue preencher melhor do que voce que é qualificado como normal aqui na França. Voce vai pegar esta merda deste papel e desta caneta e preencher corretamente senao vou ligar para sua empresa, além dos meios legais. Nao pense que porque sou estrangeira eu nao sei dos meus direitos aqui, florzinha! (a florzinha foi em portugues, para eu ter o prazer de xingar na minha lingua!)

– Nao fale assim comigo! Eu nao lhe dou o direito!

– Voce perdeu o direito na hora que foi um verdadeiro cavalo comigo! (a partir daqui, foi em portugues)… Se o seu sutia esta apertado, ou se a calcinha fio dental esta entrando na sua bunda e esta te deixando de mal humor, o problema nao é meu! No meu pais, qualquer cavalo é mais educado do que voces aqui. Eita pais de Bunda Mole! Nao é a toa que voces precisam de um presidente, filho de imigrantes, para fazer voces virarem gente e mexerem essa bunda!

Entrei fula da vida. Passei a mao no telefone, liguei para a empresa onde o funcionario-cavalo trabalha, para a loja que contrata os serviços deles, tirei foto da maquina de lavar danificada.

A maquina esta boa? Sim. O rolamento nao faz mais barulho. Mas em compensaçao, ela esta vazando agua para todos os lados.

Voila! C’est la France!

Pais que diz de primeiro mundo….

Maridao vai na loja hoje a noite resolver o problema do risco e do vazamento de agua. Vai solicitar um técnico aqui em casa.

Parabéns a assitencia técnica, ela realmente resolveu o problema: o rolamento nao faz mais barulho, minha maquina esta silenciosa novamente, faz todo o ciclo. Mas aprovieta e lava o banheiro para mim.


Responses

  1. Peguei seu blog no Casa da Sogra. Adorei!!!
    hahaha….q droga né?! Assistência técnica dá dor de cabeça em qlqr lingua!!!
    Boa sorte com a saga!
    bjks

  2. E os direitos do consumidor francês??Me parece que ainda não são conhecidos por ai….Aqui no Brasil eles tem 30 dias para consertar, se não o fazem, procon e juizado neles!!!
    Bjos!

  3. Oi!🙂
    Muito bom o seu blog! Descobri por acaso… Sou brasileira e pretendo passar um ano estudando aí na frança, mas com todos esses problemas, já to perdendo o encanto! hhheheheh

    Porque você foi parar aí? heheh

    Beijos!

  4. Oi!
    Já vim aqui na sua casinha algumas vezes… Diretamente da “ponte aérea” da Casa da Sogra, rsrsrs!
    É o tal negócio: se não fosse trágico, seria cômico!
    E vc escreve super bem, leio devagarzinho para “saborear” o texto!
    Bjos

  5. Um amigo morou aí na França e disse que o serviço deles é péssimo… vem cá, cadê o Procon dai, hein?
    Eu processava…


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: