Sobre a Autora

71197046a2.jpg

 Sou brasileira e nao desisto nunca. E tive motivos de sobra para desistir de muita coisa na minha vida. Nada veio facil. Mas eu também nunca quis nada facil.

Nasci e vivi em Sao Paulo, e por amor e por acaso, vim parar em Paris. Nao foi minha escolha. A vida me trouxe até aqui.

Tive uma vida simples. Nunca imaginei que moraria num dos lugares mais charmosos do mundo. Na verdade, nao moro em Paris, moro no interior da França, proxima a Paris. Nao gosto de cidade grande, apesar de ter crescido numa metropole.

Detesto correria. Detesto andar no meio de multidao, transporte publicos lotados. Gosto da vida calma, tranquila, onde se percebe o tempo passar. Mas nunca tive esta possibilidade, agarrada com as duas maos e a alma quando soube que moraria na França por algum tempo.

Nunca gostei da lingua francesa. Apesar de ser formada em Letras, fugia tal qual diabo da cruz das aulas de frances, dizendo a mim mesma que nunca me serviria. “Paguei a lingua” e tive que aprende-la rapidinho.

Mas como tudo que me empenho a fazer, fiz de corpo e alma. Hoje falo corretamente e estudo na mais importante Universidade ao nivel mundial: A Sorbonne.

Mas nao pensem que sou aquela estudante metida, tipica da Sorbonne, que se acha acima de tudo e de todos. De modo algum! Como aprendi em casa, sempre tenho humildade em tudo. Meu pai me ensinou a entender que tudo que faço, se alguém pode fazer, entao nao é motivo para ser arrogante. Arrogancia era o que ele mais abominava na vida, e hoje sou intolerante a pessoas assim. 

Estudei duro, esforcei-me bastante, realizei um sonho de criança, de estudar numa universidade de primeira linha no exterior, e nada demais, para meus valores. Fiz por merecer e ponto final.

Assim como vir para França, estudar na Sorbonne também foi por acaso. Sempre tive um sonho de possuir um diploma de Harvard figurando em minha parede. Mas da Sorbonne esta de bom tamanho, afinal… nem tudo é perfeito, nao é mesmo?

 Cansei de ouvir minhas amigas falarem : “Sua vida daria um bom livro“, “quando você conta suas aventuras por e-mail, parece que estamos vivendo tudo aquilo na nossa frente, você bem que poderia escrever um livro“… etc.

Só não sei ainda se minha vida daria uma boa comédia ou um verdadeiro dramalhão. Sei que vivi muitas coisas.

Muitas delas diverti-me muito, outras fiquei a beira de um colapso de nervos.

Tudo na minha vida chegou muito tarde: sucesso profissional, casamento… mas tudo chegou com qualidade.

Então, agora que estou com mais tempo, pois hoje minha carreira profissional pautada na área de Pesquisa de mercado, tornou-se no que glamurosamente denomino “Engenheira Doméstica“, decidi contar tudo que se passou comigo.

Pode ser que você termine lendo tudo que escrevo chorando de rir, morrendo de raiva… só espero que você não morra de raiva de ter perdido tempo lendo este blog.

 Puxe uma cadeira, sente-se, coloque a lata de bolacha pertinho e faça um bom café… prometo que no mínimo, lhe proporcionarei uma boa higiene mental.

O blog é dividido em varias categorias. Em “Uma Brasileira na França”, eu desabafo minhas desventuras e conto minhas aventuras na França.

Ja em “Pé na Estrada”, dou dicas de passeios na França e em paises vizinhos, lugares para visitar, onde comer e onde se hospedar. Afinal, eu e o maridao adoramos uma estrada e o volante do carro é nossa extensao corporal.

Se voce vem para morar em Paris, preste atençao na coluna “Se virando em Paris”. O objetivo é facilitar e vida de quem vem, indicando serviços, comércios, explicando o funcionamento dos orgaos publicos franceses e toda papelada.

Espero que voce goste do meu blog. O canal esta sempre aberto para receber dicas e sugestoes e informaçoes que sao interessantes acrescentar, logicamente, dando as devidas referencias de quem é o culpado.

Aproveite, leie, comente, estamos aqui para isso!

Lucylle

Responses

  1. Ola Lucylle, escrevo-lhe desde o Canada. Em verdade voce hoje fez-me rir , quando mais sentia era vontade de chorar, encontrei o seu blogue na red. Muito obrigada, Bela -“Engenheira Doméstica”

  2. Bela, entao volte aqui tantas vezes que quiser morrer de rir, pq assim como voce, tambem tive varios dias onde o unico caminho que me interessava realmente era em direcao ao Charles de Gaulle, para pegar um voo em retorno para ca.

    Obrigada por sua visita e fiquei feliz que consegui fazer voce rir hoje!

    Beijos

  3. Conheci seu Blog pq vc postou láaaaaaa na Casa da Sogra…
    AMEI! AMEI! AMEI!
    Parabéns e continue a nos deliciar!
    Bjos

  4. Oi! Tb gostei muito do seu blog…só assim vou aprendendo como as coisas funcionam por ai….quero muito conhecer a França com o meu love! E vc escreve de uma maneira muito descontraída!
    Bjos

  5. Olá Lucylle!!! Cheguei até aqui graças ao seu post no “Casa da Sogra”. Estou me deliciando com suas histórias! É incrível como essa nossa vida dá tantas voltas que daria mesmo para escrever um livro… ou um blog, né? rs Também coloco minhas aventuras de “recém-casada” num blog, o PANELA DE PRESSÃO. Será que podemos fazer um “intercâmbio” de histórias? rs Espero sua visita por lá! Um beijo (e um sussurro pela Cidade Luz…)😉

  6. Oi lucylle, muito bom “ler” vc, um pouco de sua vida. Estava na rede pesquisando e me veio uma vontade de ver fotos de lugares bonitos. Daí procurei fotos sobre a França e depois sobre a Sorbone, a universidade dos meus “sonhos”. Entaum te encontrei por aqui…espero que possamos manter contatos por e-mail. Moro aqui mesmo no Brasil, e tenho muitos sonhos, dentre elas conhecer a França e estudar por aí… e já que estou sonhando mesmo, quero tb viajar pelo mundo a fora, rsrs. Um abraço!!!

  7. Oi, Lu!
    Hoje, com tempo, vim visitar o seu blog. E adorei!
    Parabéns!
    Vou ler mais posts quando der.
    Beijinhos!

  8. oi lucylle!
    adorei seu blog!
    Meu marido foi transferido e ha 2 meses mudei para Suiça … nao tem sido facil para mim, uma brasileira que sempre morou em sampa e vivia a mil por hora…srsrs.. mas aos pouquinhos estou me adaptando…
    estou estudando frances a aos poucos tb estou conseguindo me virar, mas ainda nao sei se conseguirei trabalhar por aqui… talvez estudar, mas so o tempo dira…srsrs
    moro bem pertinho da frança… quem sabe qq dia nao combinamos algo!?
    bjs dani

  9. oi estou ate um pouco envergonhada mas so achei seu blog hj e por acaso mas adorei o q li
    estou morando em paris a um ano e adorei suas dicas
    bjao

  10. Adorei seu blog! eu estava procurando informações sobre pós fora daqui do Brasil e ai achei seu blog veio junto com… Sorbonne!
    D+

  11. Ola Lucylle, passei por aqui e gostei muito. Nao encontrei assuntos relacionados a sogra. O que aconteceu ela melhorou ou morreu.

    • Sandra, nao melhorou nem morreu. So decidi nao dar mais status para coisa ruim e me concentrar do que esta acontecendo de bom na minha vida, que é minha gravidez e no que me faz rir, que sao as coisas que encontro por aqui.

      Deixa a mulher para la. A cada um, recompensa por suas obras, nao é mesmo?????

  12. Salut Lucylle! Je peux aussi écrire un peu, en français. J’ai lu votre blog et je pense que c’est interessant et très original la façon de vous vous sentir dans les classes à la Sorbonne. Je vou remercie de votre prompte réponse. Je ne sais pas si vous retournerez au Brésil, en tout cas, j’espère que vous pourriez vous adapter bien avec nos problèmes morales, sociales et politiques. J’imagine que l’invasion des étrangers à Paris doit être difficile tant pour eux comme pour le français, soit par le tourisme comme par l’immigration. J’ai vu une photo sur votre page et si c’est votre image vous avez une belle visage brésiliènne. Merci, je vous embrasse, Lia

    • Lia, vou responder no portuges claro e direto. Olha, prefiro mil vezes tudo que o Brasil oferece de bom e de ruim, do que ficar de vez por aqui, afinal, o Brasil é minha casa, nasci e vivi grande parte da minha vida neste pais maravilhoso, e diferente do que muitos pensam, aqui na Europa tem sim violencia, tem sim desemprego, discriminaçao racial e social.

      Problema moral, social e politico todo lugar tem. O problema é que a gente sempre acha que a grama do vizinho é mais verde que a nossa.

      Qualquer mistura de cultura é dificil para quem recebe o imigrante ou o imigrante que sai do seu pais, dependendo da postura que voce adota: se um dos lados ou ambos sao refratarios ao choque de culturas, nao estao abertos a receberem e serem recebidos, confusao sempre vai dar.

      Nossa sorte é que tivemos uma colonizaçao multi-racial e varias ondas de imigrantes fugidos das guerras mundiais e civis e convivemos muito bem com todo mundo. Se eu conto aqui que existe uma rua de comércio em Sao Paulo, onde libaneses, judeus, arabes convivem numa boa, sao até amigos ou socios nos negocios, ficam de boca aberta.

      Pois é isso que me orgulha de ser brasileira e nao esconder minhas origens. Encho a boca quando digo que sou brasileira e nao me incomoda quando dizem que tenho um sotaque para falar o frances.

      Tenho sotaque sim, sou brasileira sim, meu coraçao sempre vai ser verde e amarelo. No meu carro tem uma bandeira brasileira, época de Copa do Mundo e Jogos Olimpicos estendo a bandeira brasileira no balcao da minha casa, choro quando ouço o Hino Nacional e vou feliz da vida, enfrentar trem para ir até o Consulado votar para presidente.

      O que me doi e que me envergonha de ser brasileira, é ver brasileiro que chega aqui ou em qualquer outro pais do mundo, se envolve em baixaria, escandalo ou violencia ou entao, tem vergonha de dizer que é brasileiro.

  13. OI LUCYLLE!!!!!
    QUERO TE FALAR QUE SIMPLESMENTE ADOREI LER TODAS AS SUAS HISTORIAS….VOCE ESCREVE DE UMA MANEIRA, QUE É IMPOSSIVEL DE DEIXAR DE LER…..HIPNOTIZANTE…ABERTA E FRANCA…TE ENCONTREI NO GOOGLE, POR ACASO, PQ ESTAVA BUSCANDO APARTAMENTO PARA ALUGAR EM PARIS…PARA FAZER UM CURSO DE FRANCES..
    COMO VC, SOU BRASILEIRA, SEMPRE VIVI EM SAO PAULO….MAS, ESTOU VIVENDO EM BUENOS AIRES FAZ 1 ANO….
    MEU 2o MARIDO É ARGENTINO , NOS CONHECEMOS NO BRASIL , VIVIAMOS EM SAO PAULO E, DEVIDO AO TRABALHO DELE NOS MUDAMOS PRA ARGENTINA….
    SEU EU TE CONTAR POR TUDO O QUE PASSEI , OU MELHOR, PASSAMOS..PQ TENHO UMA FILHA DE 18 ANOS, DO MEU 1o CASAMENTO ( DETALHE: TENHO 37 ANOS…ISSO É QUE DÁ ENGRAVIDAR AOS 18!!!HAHAHAAA….MAS, MINHA FILHA É MINHA VIDA ! )…
    BOM, OS PORTEÑOS SAO OU IGUAIS OU PIORES DO QUE VC DESCREVE DOS FRANCESES…EM RELACAO A EDUCACAO!…..
    AMO PARIS…PASSAMOS O ANO NOVO DE 2008 E 2009 AÍ….MAS, SEMPRE COMO TURISTAS….
    ME DECEPCIONEI DEMAIS COM OS ARGENTINOS…A PARTIR DO MOMENTO EM QUE VIEMOS VIVER AQUI…ENQUANTO ÉRAMOS TURISTAS…TUDO IA BEM!
    VOCE ACREDITA QUE….NO 1o DIA DE AULA, NO COLEGIO DA MINHA FILHA ( QUE ESTAVA NO ULTIMO ANO DO COLEGIAL…E AGORA VAI COMECAR A UNIVERSIDADE )….OS ARGENTINOS..QUE SAO OS ” EUROPEUS “, FIZERAM UMA BANDEIRA DO BRASIL E POR CIMA, DESENHARAM UM ” X ” , E, ESCREVERAM QUE NO BRASIL SÓ HA BANDIDOS, NEGROS E FAVELADOS!……NOSSSSAAAAAAAAAAAA!!!!!
    ACABEI COM O COLEGIO….COM OS ALUNOS ENVOLVIDOS…..E COM OS PAIS ” DEMENTES ” QUE ACEITARAM AS CONDUTAS DOS FILHOS MARGINAIS!….
    ISSO É APENAS UM CASO….DENTRO TANTOS QUE JÁ PASSEI DURANTE APENAS 1 ANO VIVENDO AQUI!
    ARGENTINA QUE É TAO PERTO DO BRASIL…..E A DIFERENCA É TAO GRANDE. EU SOU MUITO FRANCA…FALO O QUE PENSO…E AQUI, 90% VIVE DE APARENCIAS….( QUE TRISTEZA )
    POR ISSO QUERIA FUGIR UM MES PARA PARIS….E, ME ” RECOMPOR PSICOLOGICAMENTE “….HAHAHAAA…

    NA SUA OPINIAO…..” FUGIR ” PARA PARIS, PARA ESTUDAR FRANCES..POR APENAS 1 MES….VALE A PENA???
    UM BEIJO…. ADMIRO SUA CAPACIDADE DE RIR DE SITUACOES ABSURDAS! E, ME FAZER RIR TBM.
    OBRIGADA

    • Luciana, como dizia um chefe que eu tive ai no Brasil… a gente ri, mas é de nervoso!!
      Obrigada por sua visita e seu feed-back. Eh bom saber o que o leitor pensa. Um grande beijao.
      Agora vem ca… coisinha feia o que fizeram na escola da sua filha, ne???? Fiquei indignada, sabia????

  14. Aló Lucilly, parabéns! gostei de lêr seu blog, muito interessante. Nâo sabe que inveja sentí quando disse que estudó na Sorbonne, pois era alí que eu devería ter estudado, se meu pai não tivesse falecido quando eu ainda era pequena. Digo isto, por que ele estudou Direito Internacional na Sorbonne e o maior sonho dele era que, ao fazer meus 15 anos me levar a París. Bem se não foi possivel na aquela época, agora, estou tratando de compensar de outra maneira. Viajando. Em Julho-09 se Deus assim o permitir, penso chegar a Paris e logo seguir a Espanha onde me esperam. Mas tenho um sonho guardado, e é poder chegar por breves días a Londres. Sei que o trem sai da Gare du NOrd e lendo seu blog, soube que vc, passa todos os dias por esse lugar. Tenho um favor para lhe pedir e disculpe o atrevimento:
    “É possivel me ajudar a conseguir um endereço com quem falar para obter, horarios e preços do trem que vai pelo tunel a Londres?”
    Ficarei muito agradecida pela gentileza e novamente felicidades. Tem muitas boas qualidades para escrever, continue para enriquecer nossos conhecimentos. Abraços

    • Galiza, entre no site da Eurostar (procure no google) que voce encontra os horarios, tarifas e ainda encontra promoçoes. No site da SNCF voyages também vc pode encontrar outras alternativas.

      Boa viagem!

  15. Olá Lucylle!!!

    Achei seu Blog o maior barato… Genial!!! Adorei! Estava pesquisando sobre a Sorbonne e encontrei o seu blog, só não consegui saber no que se formou… Fiquei super curiosa. Eu advogo no Brasil e atuo numa área, cujo berço de aplicação é o sistema francês, por isso estava pesquisando os cursos da sorbonne. Você saberia informar sobre o curso de direito? Bom, p/ finalizar, parabenizo pelo seu Blog… É de grande conteúdo e sua leitura ajuda e muito… Beijinhos, Isabela. Obs.: Estou quase sendo titia… O filho da minha irmã nasce esta semana… Aproveite sua gravidez… É o maior barato!!! Curte muito a da minha irmã. Saúde e sucesso p/ vc e sua família.

  16. Ola Lucylle!! Tudo bem??

    No meu desespero em ter informações sobre a Françe e sobre Sorbonne, vim parar no seu Blog!! ( que bom!!). Li algumas coisas e acho que você passou pela experiência que pretendo passar. Tenho 21 anos, moro em Sao Paulo. Faço faculdade de psicologia na PUC SP, estou no 4 ano e logo logo me formo. Mas quero estudar psicologia, fazer um mestrado, uma pós graduação em Sorbonne, em 2011. Quero tanto isso, mas tanto ( sonho há anos), que já estou tentando me programar.
    Gostaria de saber se vc pode me passar o seu email, para que eu possa te perguntar umas coisas que não consigo entender nos sites.
    Meu email é marielmartins@hotmail.com
    Se vc puder entrar em contato, ficarei muito muito grata!!! Estou meio perdida, sem saber onde procurar as coisas…acabei aqui, no seu blog!!
    Beijos
    Mel

  17. Lucylle, tenho 17 anos e achei sua vida sua forma de escrever totalmente perfeita.
    Pelo que pude ler no blog você nunca deixou se abater, pelo contrário, se tornou a sede de suas vitórias.
    Parabéns pelo blog!!!!

  18. preciso muito falar com vc quero fazer pós na europa no entanto não sei por onde começar. Será ilusão?

    bela história

    espírito aventureiro

    um abraço

    Raquel

  19. Cherie, eu moro bem longe da cidade onde vc indicou, mas desejo muita boa sorte a ela

  20. Marina, ja escrevi um post dando dicas de uns sites que vc pode pegar as informacoes seguras


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: